Calculadora DIFAL grátis

Com estas calculadoras on-line de Diferencial de Alíquota – DIFAL você poderá simular os valores da base de cálculo do DIFAL, Fundo de Combate à Pobreza (FCP) e o valor final de DIFAL.

Disponibilizamos calculadoras DIFAL para o cálculo por dentro e o cálculo por fora. Não sabe a diferença entre eles? Leia o artigo: Como calcular o DIFAL por fora e por dentro.

Para realizar o cálculo do ICMS DIFAL basta fazer o preenchimento dos campos abaixo e o resultado será apresentado.

Calculadora DIFAL por fora (Base Única)

Estados que adotam o DIFAL contribuintes por fora: AC, AM, AP, ES, MT, RJ, RR, SP, DF, CE, MA, RN e RO. Essa calculadora também poderá ser usada para cálculo DIFAL para não contribuintes do ICMS.

Cálculo ICMS-ST online

Calculadora DIFAL por dentro (Base Dupla)

Estados que adotam o DIFAL contribuintes por dentro: BA, MG, MS, PA, PI, PR, RS, SC, TO e SE.

  1. O que é o ICMS DIFAL?

    O Diferencial de Alíquota – DIFAL é uma modalidade de recolhimento do ICMS. Essa modalidade de recolhimento foi criada para equilibrar a distribuição do ICMS nas operações de vendas interestaduais. Na prática o ICMS é partilhado entre os estados de origem e destino da mercadoria. O DIFAL para contribuintes do ICMS é previsto na LC 87/96 e o DIFAL para não contribuintes é previsto na EC 87/2015.

  2. Em que casos deve ser calculado o ICMS DIFAL?

    O DIFAL deverá ser calculado nas operações de venda que sejam destinadas ao consumidor final, seja para o uso, consumo ou ativo.

  3. Quem deve pagar o ICMS DIFAL?

    O DIFAL é recolhido no momento da emissão da NF-e pelo vendedor, quando a venda é realizada a não contribuintes do ICMS.
    Se a venda ocorrer entre dois contribuintes do ICMS, a diferença deverá ser paga pela empresa compradora o produto ou serviço.

  4. Fundo de Combate à Pobreza (FCP) e DIFAL

    O FCP é uma cobrança adicional do ICMS que varia de 1% a 4%. Se o estado de destino cobra o FCP, é preciso incluir a alíquota correspondente no momento de calcular o DIFAL. 

  5. Como é feito o Recolhimento do DIFAL?

    Em regra geral o recolhimento da DIFAL é de responsabilidade do destinatário (comprador) quando for contribuinte do ICMS, sendo realizado via apuração, e responsabilidade do remetente (vendedor) nos casos em que o destinatário não for contribuinte do ICMS, sendo recolhido via Guia Nacional de Recolhimento de Tributos Estaduais – GNRE.

  6. Por que os estados Estados AL, GO, PE e PB não estão na lista das calculadoras?

    Esses estados possuem variações nas fórmulas de cálculo do DIFAL. Consulte o RICMS do seu estado para identificar como proceder com o cálculo de diferencial de alíquotas.

Conheça o blog do Tributei.

Start typing and press Enter to search